Devaneios de um Caminhante Solitário

09 abril, 2006

A Nova Fase

O Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, indicou hoje que irá iniciar «uma outra fase» na sua acção como Chefe de Estado

Mas então esta notícia quer dizer que já houve uma primeira fase? Será que já houve, mesmo, tomada de posse?

6 Comments:

  • Parece que os cotovelos, de tanto baterem nas mesas, incharam um pouco! Então, meu caro, pensei que íamos seguir um rumo de oposição real e não a crítica simplista. O homem lá sabe o que quis dizer com aquilo, desde que não faça disparates, como uns e outros quando falam com embaixadores do Irão, o resto é um pouco como a palha.

    By Blogger JAS, at 09 abril, 2006 21:11  

  • Foi uma crítica...simpática! Ainda assim, penso que, com esta tua intervenção desprezas um pouco as funções de Presidente, "muito ao contrário" daquilo que o próprio...Cavaco Silva tem vindo a pregar.

    P.S. - P*refiro o diálogo para resoluções de problemas do que...a invasão unilateral!

    By Blogger Caminhante Solitário, at 09 abril, 2006 21:16  

  • Mas tu sabes bem que eu deprezo profundamente as funções do Presidente. Pior, olho para ele com a profundidade com que olho para um livro do José Luis Peixoto: de longe, muito, muito longe.

    Quanto ao diálogo, não me digas que baixar a crista perante discursos extremistas é uma opção plausível ou democrática. Tu, que já estiveste em Auschwitz, aceitas que te venham dizer que o massacre judeu foi uma farsa histórica? Que os números são inventados? Para não falar daquela brincadeira com o seu homólogo dinamarquês. O nosso Freitas, ao contrário do que muitos pensam, é um comediante encapotado!

    By Blogger JAS, at 10 abril, 2006 21:20  

  • As funções de PR, estão previstas na CRP e agora, com Cavaco, parece que se vai dar um novo “rumo” (cooperação) a essas mesmas funções. Só que até ver… parece que foi só na campanha eleitoral.

    Quanto ao diálogo, penso que será sempre uma solução a ter em conta antes de avançar para um ataque bélico unilateral. Sou pela paz, não pela guerra, muito menos quando se vai a pensar que “como ocidentais e, por conseguinte, de uma civilização superior, não interessa quem está do outro lado…”

    By Blogger Caminhante Solitário, at 11 abril, 2006 03:26  

  • Eu também sou profundamente pela paz e não compreendo ou aceito quaisquer outras soluções. Agora, acho que o Freitas fez triste figura. Que queres que te diga? Não é um ataque ao Governo. É mesmo só ao Freitas. Ele fez disparate. Azar. Repetiu o disparate. Ainda mais azar. Pode ser que das próximas vezes acerte.

    By Blogger JAS, at 11 abril, 2006 09:12  

  • Sim, mas o "disparate" que ele fez foi hiperbolizado de uma forma quase incompreensível pela oposição. Acho que não era caso para tanto.
    Foi algo que eu já tinha referido aqui

    By Blogger Caminhante Solitário, at 11 abril, 2006 14:58  

Enviar um comentário

<< Home